Postagens

Mostrando postagens de Janeiro, 2013

TransAndes 2013 - 8º e 9º Dia

Imagem
TransAndes 8º Dia Amanheceu um lindo dia na Cuesta del Portezuelo, em Catamarca. Principalmente porque tínhamos um janelão a 1700m de altitude com vista para o vale e uma montanha no outro lado. A medida que o sol subia, a sombra da nossa montanha na montanha a frente diminuia. Levando em consideração a distancia, a altitude, a atmosfera limpa e a minha sonolência, a imagem era mágica e parecia saída dos sonhos. Com isso acordamos cedo, arrumamos as coisas, carregamos tudo no carro, batemos fotos e ninguém aparecia. Parece que somos os únicos vivos nesse lugar. Até que enfim apareceu alguém e preparou um rápido e leve desayuno para nosotros. Um sentimento estranho me fez pensar: "Como pode um lugar desses, tão bem projetado, com um cenário dignamente maravilhoso, numa localização incrível ser tão pouco usado"? Além do nosso quarto, acho que tinha apenas mais 1 ou 2 ocupados. Se fosse no Brasil, certamente estaria lotado, e a tarifa seria 4 ou 5 vezes maior. Seguimos vi

TransAndes 2013 - 7º Dia

Imagem
Acordamos sem pressa pra nada. Compramos réplicas de juros, artefatos indígenas antigos, feitos de barro para guardar água fresca. Demos uma volta pra conhecer a cidade de Villa Union. Já era tarde quando pegamos a Ruta 40. Nosso destino está a 480km. Cuesta del Portezuelo, no alto de uma montanha, com uma bela vista da capital de Catamarca. O cenário na Ruta 40 continua incrível. A cada pouco formações rochosas vermelhas, cáctus gigantes e cenários exóticos. Logo a frente encontramos a Cuesta del Miranda. O asfalto virou uma estreita estrada de rípio ao lado de encostas e penhascos. Seguimos em meio a esse desfiladeiro. Um pouco de subida e a altitude passa dos 2.000 m. Ponto alto do dia! Seja pela altitude tanto quanto pela beleza. São apenas 20km de estrada de chão, mas cheia de curvas estreitas e penhascos, num cenário incomum. Passar por aqui quase já vale toda a viagem. Almoçamos em Chilecito e passamos longas horas rodando por asfaltos lisos em meio a imensidões desérticas.